‘Quanto riso, oh, quanta alegria!’ marcou o compartilhar carnavalesco da Geração Xmais

Anamélia Poggi Por Anamélia Poggi

Matinê das Ilusões, da Geração Xmais, contou com a participação do Bloco das Ilusões, coral e sua orquestra de cordas (Foto: Jerônimo Poggi/Geração Xmais)

Geral, publicado em 11/02/2020

Leia a crônica de Anamélia Poggi sobre o evento Xmais na Matinê das Ilusões, promovido pela Geração Xmais e realizado, na última segunda-feira (10), no Clube Português do Recife (Adega Restaurante), no bairro das Graças, Zona Norte da capital pernambucana.

O Bloco das Ilusões traz, nas vozes femininas do seu coral, a poesia de um Carnaval feito mais de cordas que de metais.

“….Chora bandolim
Chora violão
O meu coração é assim…”

Entre nós, uma figura em destaque iluminando nosso mundo de recordações. Lá estava, no flabelo que no lugar do estandarte traduz a alma do bloco, ali soprando ventos de amor.

O Bloco “…com o flabelo feito de ilusões…” nos deixou sonhar, tomados de alegria, cantando, sorrindo, dançando e juntos simplesmente celebrar a vida.

“…Ah! Viver assim não é sonhar à toa
Eu faço parte desta gente boa
que ainda voa atrás de luar..”

Obrigada, Ana Nery, presidente do Bloco das Ilusões, com tantos cuidados para fazer um bloco de amor.

Obrigada, integrantes do bloco, que trazem sua alegria a nos contagiar.

Obrigada, Geração Xmais, que cresce a cada encontro tornando realidade uma nova consciência do envelhecer.

Confira alguns momentos da festa nas fotos de Jerônimo Poggi

Compartilhe

Tags:
Comentários